Da Luz ao Breu

sexta-feira, setembro 09, 2011 / Postado por And_Rodrigues /

Olá Boa Sexta.

Espero que todos possam ter tido uma boa semana. Hoje posto um texto inspirado, e que foi um presente!

Tive que cuidar da revisão, então não condenem as revisoras, que estão tendo um descanso dos meus deslizes de escrita,rsrsr. Mas nem por isso as esqueço Kelly, Angelina. Obrigado Sempre, Amo-As.

Escrito com muito carinho, espero que gostem. Tenham um bom fim de semana. e ... uma ótima leitura.







Da Luz ao Breu




De um momento

para o outro

O que era Luz

Tornou-se Breu,

tudo a volta,

Tomou contornos

De cinza.

As ruínas

Parecem

O cenário de um Presente

que não apresenta mudanças.

De um Passado condenado

pelos atos que

Já castigaram.

A Luz, já, parece mais fraca.

O Breu quer entrar

O fim bate a porta

Meus olhos querem fechar.

Não sei mais como suportar

Eu quero.

Mas ...

Não sei como.




^PAR^







1 comentários:

Comment by AngelP on 10 de setembro de 2011 20:25

A revisora reserva orgulha-se da melhora e por estar se virando sem a oficial e sem mim... rsrs
E quanto ao poema, posso apenas dizer que sempre me encanta tudo o que escreve...

S2

P

Postar um comentário